Derrotismo do sindicato? Golpe do Sind-UTE? Batatada?

Circula, nas redes sociais, um artigo de um site chamado http://www.gazetarevolucionaria.com.br, em que acusam o Sind-UTE de derrotista e golpista. Para basear seus argumentos, citam, de entrada, uma fala minha, que, gentilmente, qualificam como “batatada”. Essa fala eu a fiz em grupos de WhatsApp de Uberlândia, logo após o término da reunião do Comando Estadual de Greve, conforme a reproduzo a seguir:

“Comando estadual de greve aceita a PEC como uma emenda à Constituição do Estado capaz de estabelecer que os trabalhadores em educação não podem receber menos que o PISO. Essa é uma vitória dentro das forças atuais de nossa Greve, porque os reajustes anuais do PISO ficam garantidos em lei e passam a ser automáticos. Os governos futuros estarão contra a Constituição do Estado, caso não paguem os reajustes. A proposta agora será submetida à Assembleia Estadual da categoria. Junto com a proposta de suspensão ou não da greve. Eu, Gílber, tenho posição de que é uma conquista face à traição do governo Pimentel que se recusou a mandar projeto de lei específico reajustando o PISO. Com a PEC, estaremos acima da vontade do governo de plantão. Lutar sempre vale a pena.”

Em seguida, o mesmo site cita a fala da Coordenadora Geral do Sind-UTE/MG, Beatriz Cerqueira, relatando a reunião feita pelo Comando Estadual de Greve, durante a Assembleia Estadual do Sind-UTE, e conclui que é um discurso confuso e que tinha  o único objetivo de acabar com a greve. Ora, é papel da Coordenadora Geral do sindicato relatar às pessoas presentes na Assembleia Estadual do mesmo quais foram as deliberações do Comando Estadual de Greve. Quem é da categoria sabe disso. Lamentavelmente, esse site é composto por militantes externos ao sindicato e que não conhecem a realidade de funcionamento das nossas instâncias sindicais, logo, não entendem como funcionam as instâncias deliberativas do Sind-UTE. Dão pitaco sem conhecimento de causa, tipo sapo de fora.

Ora, Beatriz Cerqueira tinha de relatar na Assembleia Estadual do Sind-UTE as deliberações do Comando Estadual de Greve, que, como disse, na minha fala acima, em grupos do WhatsApp, logo após a realização da reunião do Comando Estadual, tinha deliberado, no período da manhã, que a PEC era uma conquista diante do quadro atual de mobilização da nossa luta e que apontaríamos para a assembleia a proposta de suspensão da greve. Caberia à Assembleia Estadual aceitar ou não as propostas do Comando Estadual de Greve, como sempre ocorre no Sind-UTE.

A Assembleia Estadual concordou com a PEC e a aprovou por quase unanimidade. Portanto, acusar o sindicato de golpista por aceitar a PEC é acusar a imensa maioria dos trabalhadores em educação de “golpistas”, pois a PEC foi aceita nas assembleias de base da categoria, realizadas nas diversas subsedes, e também aceita na Assembleia Estadual da categoria.  A categoria ficou dividida na questão da suspensão ou não da Greve. Alguns, como eu, acharam que a PEC, dado o quadro atual de mobilização, era suficiente para por término à greve e outros acharam que não era suficiente. Venceu a proposta dos que acharam a PEC insuficiente par por término à greve. Mas daí, a vir a acusar o sindicato de golpista ou derrotista, só mesmo na cabeça de esquerdistas que querem jogar para galera, sem a mínima responsabilidade com quem de fato faz a luta e está em greve mais de um mês. Os militantes do referido site são contra o sindicalismo de resultados e dizem isso claramente no artigo deles: “Foi-se o tempo de sindicalismo de resultados que não dava resultados nenhum, agora é luta direta com rebelião das bases.”

Se foi-se o tempo de “sindicalismo de resultados”, é um crime alcançar o resultado de uma PEC que avança em direção à conquista do PISO em nosso estado. Para eles, conforme fica subentendido no artigo, as pessoas devem fazer greve para fazer revolução ou rebelião “agora é a luta direta com rebelião das bases”. Eu concordo com a revolução socialista, mas a Greve do Sind-UTE não foi chamada para fazer a revolução socialista, foi chamada para que o governo pague o PISO. A PEC, sendo aprovada, e essa luta não terminou (novas paralisações serão chamadas), o Sind-UTE/MG deixou isso claro para todos e todas, mas, sendo aprovada, esta é uma garantia a mais no sentido de pressionar os governantes a pagarem o PISO.

Ao ver essas picuinhas vindas de setores da esquerda, em que uns pretendem ser mais esquerda e mais lutadores que outros, só posso aqui, a propósito da “batatada” que gentilmente me foi atribuída, relembrar o romance Quincas Borba de Machado de Assis, afinal, ao término dessa guerrinha inútil, as tribos que guerreiam entre si não terão mais do que batatas: “Ao vencido, ódio ou compaixão; ao vencedor, as batatas”.

Por: Gílber Martins Duarte – Militante SOCIALISTA LIVRE – Doutor em Análise do Discurso/UFU – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais – EDITOR dos BLOGs: https://professorgilber.wordpress.com/  e www.socialistalivre.wordpress.com

 

 

Anúncios

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Galeria | Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Derrotismo do sindicato? Golpe do Sind-UTE? Batatada?

  1. marcos disse:

    A citação está errada: ao vencedor, as batatas; aos vencidos ódio e compaixão. No romance machadiano, duas tribos disputam um vale fértil no qual se plantam batatas. E dada a escassez dos recursos, no caso, saciar a fome de ambos os lados é impossível, trava-se assim uma guerra. Quem vencer, fica com os recursos e nao morte de fome. Aos restantes, ódio e compaixão, ou seja, morte severina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s