Por que o capitalismo, em crise na extração de mais-valia, precisa de uma ditadura no Brasil?

A crise econômica em que o capitalismo mundial está enterrada, desde 2008, não terá refresco por dentro da lógica da democracia burguesa. A arrecadação de mais-valia dos trabalhadores, ou seja, o lucro advindo do trabalho não pago, com a aceleração da produção em que o capitalismo mundial chegou, está em queda brutal e esse buraco é sem fundo, se não colocarem a classe trabalhadora mundial como semi-escrava novamente.

Quando tudo parece bem para o sistema de exploração capitalista, eis que este modo de produção entra em colapso. A modernização da produção, com máquinas acelerando a produtividade de mercadorias, chegou mais uma vez no ponto máximo, a chamada crise de superprodução explicada por Marx. As mercadorias caem seu valor, quando as máquinas substituem gigantescamente a mão de obra, pois se produz muito, mas não se pode extrair trabalho não pago das máquinas. Por outro lado, já não se lucra como antes em cima do trabalho não pago ao trabalhador, que obteve alguns ganhos na cadeia produtiva. Então, extrair mais-valia agora se tornou um grande problema para os capitalistas. O lucro dos patrões cai. Começam as demissões. Havendo demissões, diminui o consumo, e a crise de desemprego só aumenta. O estado burguês não pode mais proteger os trabalhadores com programas sociais de distribuição de renda mínima, a exemplo do que fez o PT no Brasil, pois a arrecadação do estado cai com a queda da produção de mercadorias. O efeito dominó se torna cada vez mais arrasador. O capitalismo está em desgraça. Os ricos ficam nervosos e precisam rearranjar um jeito de escravizar os trabalhadores para voltarem a ser ricos. Os políticos fascistas da burguesia, os reacionários  de direita, a classe média falida, entram em cena para atacar brutalmente os trabalhadores e suas organizações políticas. Na crise, não havendo a revolução proletária, há a ditadura fascista do capital, já que não existe espaço vazio na luta de classes.

No Brasil, tais políticos, apoiados na mídia burguesa, contaram a mentira de que essa atual crise capitalista que chegou ao país seria culpa de um suposto roubo do PT. Baseado nessa mentira, derrubaram Dilma Rousseff e querem agora prender Lula para desmoralizar e se possível extinguir o maior partido de trabalhadores do país, e aos poucos vão procurar criminalizar os lutadores conscientes da classe trabalhadora para restituírem a ditadura do capital no país. Por que uma ditadura agora, perguntam atônitos os não marxistas? Ora, porque só com uma ditadura poderão instituir no Brasil a semi-escravidão do trabalhador novamente para voltarem a ter lucros em cima do trabalho não pago, em cima da mais-valia, em cima da exploração do trabalho.

Não é a toa que falam em jornada de trabalho de 12 horas. Não é a toa que falam em aposentadoria aos 70 anos. Não é a toa que falam em tirar Filosofia, Sociologia e História do Ensino Médio, para apagar a memória crítica das futuras gerações. Não é a toa que falam em escola sem partido, para anestesiar qualquer visão crítica na escola. Não é a toa que falam em congelar gastos com escola pública e educação. Não é a toa que falam em acabar com a CLT. Não é a toa que perseguem o PT, como o maior partido de resistência a uma ditadura no país. Não é a toa que criminalizam os que resistem à ditadura política recente.

Para o capitalismo mundial voltar a ter lucro através do trabalho não pago ao trabalhador, isto é, através da extração de mais-valia, precisam fazer com que a classe trabalhadora brasileira e mundial aceitem a condição de semi-escrava. O imperialismo também quer que se vendam todas as restantes empresas públicas brasileiras para eles escravizarem esse nicho de mão de obra, além é claro de surrupiar o restante dos nossos recursos naturais, como o pré-sal. Quando deram o GOLPE em 2016, jogando o voto de 54 milhões de trabalhadores na lata do lixo, em cima de uma mentira, para atacar brutalmente os trabalhadores brasileiros, começou-se a volta da ditadura no Brasil. Tudo é uma engrenagem montada pela burguesia capitalista em crise.

Ao estudar Marx, percebemos os motivos reais por detrás da recente ditadura que está se instalando aos poucos no Brasil. Precisam que os trabalhadores voltem a ser semi-escravos do capital. Portanto, a tarefa imediata dos trabalhadores brasileiros é derrotar a ditadura instalada pelos golpistas, mobilizando para DERROTAR O GOLPE e a recente ditadura que se encastelou no Planalto, a serviço das grandes corporações capitalistas em crise. Ou é isso, ou será a volta do trabalho semi-escravo no Brasil.

A propósito de como a extração de mais-valia também se relaciona com os acontecimentos políticos, sugerimos nossa tese de doutorado para leitura, podem clicar aqui: NA ARENA DA LUTA DE CLASSES, A MAIS-VALIA, SOB O CRIVO DA ANÁLISE DO DISCURSO

Por: Gílber Martins Duarte – Militante SOCIALISTA LIVRE – Dirigente estadual do Sind-UTE/MG e da Subsede Uberlândia – Doutor em Análise do Discurso/UFU – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais –EDITOR DO BLOG www.socialistalivre.wordpress.com

mais_valia

Anúncios

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Galeria | Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Por que o capitalismo, em crise na extração de mais-valia, precisa de uma ditadura no Brasil?

  1. Pingback: Por que o capitalismo, em crise na extração de mais-valia, precisa de uma ditadura no Brasil? - Bem Blogado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s