Crise nas alturas, crise nas bases!

Nada, em termos econômico-sociológicos, deve parecer natural, pois não o é! Enquanto a economia mundial patina, inclusive no Brasil, fruto da crise de superprodução do capitalismo que não consegue mais vender e lucrar como antes, os que formam opinião e tentam fazer o discurso do que deve parecer ser verdade, tentam simplificar o que é complexo, para impor suas ideologias em favor do grande capital.

Trata-se aqui principalmente dos grandes órgãos de imprensa que dias após dias tentam transformar em verdade a falácia de que a culpa de tudo que está ocorrendo de marasmo na economia dos ricos é culpa da Dilma. É mesmo?

Se a Dilma fosse destituída hoje do cargo como querem os golpistas, e assumisse a excelência burguesa Aécio Neves, a economia iria mudar para melhor? Claro que não. Pelo menos naquilo que se refere à economia dos mais pobres, dos trabalhadores, tudo seguiria o mesmo ou pior. Estes provavelmente perderiam ainda mais, já que a oposição de direita capitaneada pelo PSDB nunca teve qualquer compromisso com as classes mais desfavorecidas. Balela ficar repetindo que o dinheiro do país sumiu, porque o PT o roubou.

Portanto, antes de simplificar e dizer que a culpa do preço do aumento da cebola é culpa da Dilma Rousseff, pediria aqui apenas um lampejo de racionalidade e de postura crítica, para que se queira de fato investigar os motivos que estão fazendo com que a economia capitalista mundial esteja patinando desde 2008. Trata-se da crise endêmica do capitalismo.

Onde está então o erro do PT, enquanto posição mais próxima da esquerda, em meio a essa avalanche de crise política do país? Passar a ilusão de que é possível governar no capitalismo para todos. Não é possível. Ou se governa para os trabalhadores ou ficamos eternamente nas mãos dos ricos golpistas, principalmente quando a economia capitalista entra crise, como está agora. Os capitalistas querem fazer com que os trabalhadores paguem pela crise e lamentavelmente o PT cede às pressões, pois implementa a política do “governar para todos”.

Por: Gílber Martins Duarte – Militante SOCIALISTA LIVRE – Sind-UTE/Uberlândia/MG – Doutor em Análise do Discurso/UFU – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais –EDITOR DO BLOG www.socialistalivre.wordpress.com

Socialistas Livres II

Anúncios

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Galeria | Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Crise nas alturas, crise nas bases!

  1. Peroni disse:

    Gilber babaca.Não debate. Marxista de merda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s