Isso não!

Alguns, possuídos da mais despudorada má fé, nos acusam de termos dado as costas ao marxismo. Trata-se justamente do contrário, pois nossa proximidade ao marxismo, ou melhor, ao socialismo revolucionário, é que tem nos levado a nos empenhar em denunciar aqueles que, sob o rótulo do “marxismo-leninismo” e do “trotskismo”, renegaram os princípios do socialismo e se prestaram ao papel de dar sustentação ao capitalismo em franco processo de exaustão, nos arrastando para a tragédia total. Pouco nos importa que a maioria desses senhores tenham procedido com boas intenções.

Um dos truques usados pela direita travestida de esquerda é autoproclamar-se herdeira legítima e única de uma revolução que, a rigor, não se consumou. Em nome dessa presumida herança, apresentam-se como guardiões da causa socialista. Ao lado dessas falsas premissas, eles passaram a acusar os dissidentes de “inimigos do povo” a serviço da contrarrevolução, enquanto eles eram, e são, as mais eficazes correntes de sustentação do sistema.

Façamos uma boa pausa para pensar. Por que as igrejas, aqui e alhures, reúnem milhões de devotos, dispostos aos mais diversos sacrifícios? Tentemos responder. É a desesperança e a fuga desenfreada desse mundo hostil que levam milhões de homens e mulheres a se prestarem à condição de rebanhos em mãos de uns poucos charlatães e vivaldinos que exploram esses momentos de fragilidade, agravados pelo fato de o sistema socioeconômico vigente encontrar-se na UTI da história, enquanto que o “marxismo-leninismo” deixou claro o seu caráter fraudulento.

A massa do povo trabalhador deveria estar em torno dos partidos e movimentos revolucionários. Isso não ocorre, e a população, em situação de orfandade, agarra-se às múltiplas fantasias e falsas saídas.

Foi em razão da derrota da revolução mundial, na década de 20, do século passado, que foi adotado o escuso expediente de se vender gato por lebre. Essa fraude trouxe e traz graves prejuízos aos interesses da humanidade.

Quem traiu o socialismo revolucionário, quem cumpriu o papel de inimigo, foram eles. De nossa parte, fazemos um empenho sobre-humano de soerguer o socialismo reabilitando os seus princípios, particularmente aquele que diz ser a luta de classes o motor da história. Junto a esse princípio mater, evidenciar que o proletariado não tem pátria e seu caráter é internacionalista. Assinalar que a obra de libertação dos trabalhadores será obra dos próprios trabalhadores, não existindo, portanto, “partido libertador da classe operária”. Esclarecer que o socialismo é apenas uma possibilidade e nunca uma fatalidade, algo que se não for hoje, será para os nossos filhos, netos ou até mesmo bisnetos.

Dizer que nos afastamos do socialismo revolucionário é mais uma deslavada mentira. Quem dele se afastou foram os que substituíram a luta de classes pela luta nação opressora versus nação oprimida; os que deixaram de reconhecer, na democracia política, um legado histórico, que deveria ser superado tão somente pela democracia social; aqueles que promoveram um desastroso retrocesso com a supressão absoluta do livre debate e da livre organização. Aqueles, também, que põem a mão no peito e proclamam “Pátria ou morte venceremos”, ou senão cantam, a plenos pulmões: “Ou ficar a Pátria livre ou morrer pelo Brasil”. São esses os que realmente se distanciam da revolução, seja de forma consciente ou inconsciente.

Assim como não podemos abandonar o convívio com milhões de devotados cristãos, judeus, muçulmanos…, não podemos deixar de dispensar atenção à imensa maioria dos que caíram no logro do “marxismo-leninismo” ou “trotskismo”. É nosso dever lutar para desmanchar o nó que foi dado na cabeça dos letrados e iletrados, pois essa é a causa de nossa miséria política.

Por: Gilvan Rocha, escritor socialista, articulista, Presidente do CAEP – Centro de Atividades e Estudos Políticos e membro do CSL – CAEP.

Acessem nosso Blog:  www.socialistalivre.wordpress.com

Acessem nosso Blog: www.gilvanrocha.blogspot.com.br

cropped-w10003247_235356923332503_1987199304_n.jpg

Anúncios

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Galeria | Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Isso não!

  1. Sargento Gílber de Souza Mattos disse:

    Policial Militar morto quando estava instalando uma câmera espiã na favela conhecida como Fallet, no centro da cidade do Rio de Janeiro. O primeiro tiro acertou a cabeça e os outros dois tiros no peito.

    Vc assitiu essa materia em algum canal de TV.

    Ou foi repetido por varios dias pelo JN. Como fizeram com o Amaurildo?

    Os representantes dos direitos humanos se manifestarem ou fizeram nota de repudio?

    A sociedade fechou ruas cobrando providencias não
    Estamos em uma inversao de valores se a policia esta sendo o alvo quem vai defender o povo?

    Fica a pergunta quem vai defender o povo?ACORDA BRASIL

  2. Almir Szmik disse:

    ISSO É PT, ISSO É SOCIALISMO….VEJAM E TIREM SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s