Argentina: na mira dos abutres!

Os fundos abutres especulativos internacionais, com o apoio da justiça burguesa dos EUA, dificultam a vida econômica dos nossos vizinhos argentinos, impossibilitando o governo de pagar parcelas de sua dívida externa aos credores que aceitaram renegociar as taxas de juros da dívida. Os chamados fundos abutres, insistindo em receber juros altíssimos, embargou a possibilidade dos argentinos de saldarem parte de seus compromissos e politicamente tentam passar a imagem de que a Argentina é que é a errada, porque seria um país caloteiro.

Pejorativamente, a imprensa burguesa faz coro a esse discurso burguês, falando em reincidência do “calote argentino”. Contudo, essa versão unilateral dos fatos não explica o que levou-leva a essa situação econômico-financeira. Na verdade, a Argentina, como todo país que recorre financeiramente a empréstimos externos, é apenas mais uma vítima dos banqueiros abutres internacionais que querem colonizar-sugar-subjugar-explorar ao máximo os países dependentes que, em algum momento, lhes pedem ajuda financeira.

A posição político-jurídica internacional dos EUA, impedindo a Argentina de pagar parte de sua dívida externa de acordo com taxas de juro pelo menos razoáveis, trata-se, na verdade, de uma política de imposição da SUPEREXPLORAÇÃO ESPECULATIVA CAPITALISTA, enfraquecendo o país argentino para imputar-lhe condições econômicas ainda piores, forçando o governo a conter gastos sociais com o povo para repassar as economias desses gastos à gula insaciável dos abutres. Trata-se de uma espécie de COLONIZAÇÃO MODERNA, em que a Coroa, por exemplo, ao invés de ser o Rei da Espanha, o Rei de Portugal, o Rei da Inglaterra, chama-se agora FUNDOS ABUTRES DOS EUA.

Até quando vamos ser países colônias do imperialismo? Que os países da América Latina se juntem e apoiem politicamente a Argentina. Nenhum centavo a mais para os ABUTRES do imperialismo. Chega de exploração capitalista!

Por: Gílber Martins Duarte – Militante Socialista Livre do CSL/CAEP – Sind-UTE/Uberlândia/MG – Doutor em Análise do Discurso/UFU – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais – Membro MEOB – CSP-CONLUTAS.

Acessem nosso Blog: www.socialistalivre.wordpress.com

cropped-w10003247_235356923332503_1987199304_n.jpg

Anúncios

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Galeria | Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , . Guardar link permanente.

6 respostas para Argentina: na mira dos abutres!

  1. Explicador disse:

    O Gílber Martins Duarte – Militonto Socialista Livre do CSL/CAEP se diz preocupada com inscrição de Kirchner no SPF e SERASA e oferece dinheiro a juros.

    O Gílber Martins Duarte – Militonto Socialista Livre do CSL/CAEP falou na manhã de hoje sobre o calote argentino no credores da dívida externa, e ofereceu “uma parte do dos 152 mil que guardo no colchão para a Cristina Kirchner pagar a dívida”.

    Gílber disse que se preocupa com a “provável inscrição do nome de Cristina nos cadastros de proteção ao crédito, como o SPC e o SERASA.”

    O Gílber Martins Duarte – Militonto Socialista Livre do CSL/CAEP disse que pode emprestar o dinheiro a juros de 20% ao mês.

    Caso aceite, a Argentina sairia da condição de “caloteira”, epíteto que recebeu após o prazo de pagamento da dívida que já foi renegociada anteriormente.

    • Wilson disse:

      Mas não é um amor de criatura o Gílber? Fico surpreso dele não ter oferecido a vagaba hermana um empréstimo do BNDS a fundo perdido para pagamento da dívida.Pois essa é uma verdadeira atitude comunista.

  2. Virgulino disse:

    O QUE O PILANTRA DO GÍLBER OMITE:
    Pequena fortuna. Esse é o benevolente prazo de fato usando o The Wall Street Journal (WSJ) descrever a evolução patrimonial de Kirchner, uma vez que Nestor se tornou presidente em 2003 jornal. EUA, um dos maiores do país, publicado na versão em extenso artigo espanhol por jornalistas Santiago Pérez e Taos Turner, de Rio Gallegos. Note, reimpresso na edição impressa do jornal de hoje The Nation, é ilustrada com uma foto do empresário Lázaro Báez .
    Como detalhado, uma vez que Néstor Kirchner assumiu a presidência até que morreu em 2010, o patromonio presidencial ” aumentou de US $ 2,5 milhões para 17,7 milhões dólares , de acordo com as suas declarações fiscais anuais antes do Anti-Corrupção “. O WSJ também diz que “muitos argentinos querem saber onde esse dinheiro veio.”
    A nota, intitulada “A ligação entre dinheiro e política, uma sombra que assombra Kirchner” , zoom dúvidas sobre a década K e lembra-se o processamento de vice-presidente Amado Boudou, no caso de a impressão Ciccone; e ex-secretário de Transportes Ricardo Jaime “, acusado de enriquecimento ilícito”. Além disso, adicionar o caso do ex-ministro da Economia, Felisa Miceli, “condenado pelos crimes de furto qualificado e ocultação de documentos públicos em uma investigação sobre um saco de dinheiro encontrada no banheiro de seu escritório.” Nenhum dos dois ex-funcionários mencionados pelo nome, basta lembrar suas custas.
    Imediatamente, o artigo tem o link Lázaro Báez empresário com o casal presidencial e como sua riqueza cresceu a partir do Kirchner concordaram em poder nacional . “Um promotor em Buenos Aires – diz o jornal – acusado de lavagem Lázaro Báez cerca de EUA $ 65000000 através de uma rede global de empresas de fachada do Ministério Público, José María Campagnoli, disse em uma entrevista que o dinheiro teria sido. alvo de fundos do governo para obras públicas e Baez foi a figura de Kirchner “. Então estes são opostos Baez: “A questão judicial nos fez um dano enorme (Scandal) Ela nos remove grande nível de participação em obras públicas, é uma maneira elegante de nos tirar do tribunal.”.
    O Wall Street Journal não se concentra apenas nas relações K com os empregadores e sua ânsia de escapar da justiça. Também dizer como eles procuraram evitar falar sobre a polêmica sobre o seu património. “Funcionários da administração Kirchner não respondeu aos pedidos para comentar sobre a riqueza do presidente ou as investigações de corrupção Em sua única declaração pública sobre a sua ativos de uma troca tensa e concisa com estudantes da Universidade de Harvard em 2012 -. Kirchner, 61, disse: “Nós tivemos e ter uma determinada posição econômica era um produto que eu trabalhei toda a minha vida e tem sido um advogado muito bem sucedido agora sou um presidente bem-sucedido também, obrigado. ‘”.
    A nota, que é basicamente uma conta variada de informações já publicadas na mídia local , o cenário econômico se expande e detalha a luta com fundos abutre. E até recentemente na controvérsia sobre a “história” e as alegações de Jorge Lanata em seu jornalismo para Todos.
    http://www.clarin.com/politica/enriquecimiento-Kirchner-Wall_Street_Journal_0_1183681852.html

  3. Castrinho disse:

    Argentina está ‘quebrada e doente’, diz Cristina Kirchner após calote
    Presidente argentina disse que vida segue após falta de acordo de pagamento.
    Ela anunciou novas regras para consumidor e aumento de aposentadorias.
    No primeiro pronunciamento após o fim do prazo para o pagamento da dívida renegociada, que coloca o país em situação de calote – ainda que seletivo –, a presidente argentina Cristina Kirchner disse que a vida segue, mas também afirmou que o país está “quebrado e doente”.
    “É hora de o mundo colocar freios nos fundos abutres e nos bancos insaciáveis que querem seguir lucrando com uma Argentina quebrada e doente”, disse Kirchner.
    Esta LOUCA CONSUMISTA é igual a FRACASSADA DilmANTA daqui !!!

    • Castrinho disse:

      A Argentina tem uma tendência a ser governada por prostitutas, esta ultima é a famigerada “Putox” = Puta com Botox, a situação financeira deste país é tipica do comportamento da cafetina vagabunda, não está nem aí com o dinheiro dos outros !!!!

    • Zica Amâncio disse:

      INCOMPETENTE PICARETA!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s