“SOMOS UM SÓ”? Vírgula!

A Copa do Mundo 2014 começa embalada com altas doses de patriotismo para escamotear a realidade da divisão e da luta de classes existente na sociedade capitalista brasileira. A Rede Globo lançou o slogan “SOMOS UM SÓ” para esconder justamente o fato de que, no fundo, “NÃO SOMOS UM SÓ”. Por que não somos um só? Porque, de um lado, estão os empresários, os banqueiros, os latifundiários, que lucram muito à custa da exploração do trabalho não pago aos trabalhadores brasileiros e do mesmo lado da classe dominante, encontra-se a classe política burocrática (vereadores, deputados, senadores, ministros, secretários de confiança) que vive de altos salários estatais, bem diferentes da maioria do povo trabalhador.

De outro lado, longe de qualquer tipo de privilégio, estão os milhões de trabalhadores brasileiros assalariados que apenas sobrevivem graças ao duro trabalho diário que realizam, com extensas jornadas de trabalho, sem contar que outros milhões de brasileiros, despossuídos até de emprego, sobrevivem à custa do Programa Bolsa Família, uma migalha, diga-se de passagem.

Portanto, é uma mentira querer incutir nos trabalhadores brasileiros a ideologia de que “SOMOS UM SÓ”, aproveitando-se do clima de festa da Copa do Mundo. Não somos. Fazendo coro à Rede Globo, a propaganda governamental também está vendendo a ideia de que SOMOS TODOS BRASILEIROS e que falamos a mesma língua. Essa é outra falácia montada para tentar forjar, ideologicamente, uma identidade patriótica para o povo, apagando as diferenças de classe que reinam na nossa sociedade. Esse discurso nacionalista governamental serve tão só para fazer com que os movimentos sociais, ligados ao povo trabalhador, desistam, durante a Copa do Mundo, de denunciar as mazelas da sociedade capitalista brasileira, em que a classe burguesa dominante (os ricos), juntamente com a burocracia política, são as únicas que de fato estão com a vida econômica tranquila para desfrutar da festa da Copa do Mundo.

Povo sem escola, povo sem moradia, povo sem emprego, povo sem transporte digno, povo sem hospital não é “UM SÓ POVO”, como a ideologia capitalista tenta inculcar. Só os trabalhadores ocupam esses lugares de miséria. Não é verdade, portanto, que SOMOS UM SÓ. Os ricos e os políticos burocratas não vivem nas favelas, os ricos e os políticos burocratas não sobrevivem de Bolsa Família, os ricos e os políticos burocratas não ficam sem atendimento hospitalar, os filhos dos ricos e dos políticos burocratas não estudam em escolas públicas precárias, os ricos e os políticos burocratas não andam de transporte coletivo.

“Somos Um Só”? Aqui, cara pálida!

Por: Gílber Martins Duarte – Militante Socialista Livre do CSL/CAEP – Sind-UTE/Uberlândia/MG – Doutor em Análise do Discurso/UFU – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais – Membro MEOB – CSP-CONLUTAS.

Acessem nosso Blog: www.socialistalivre.wordpress.com

cropped-u10013734_235352529999609_858194854_n1.jpg

Anúncios

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Galeria | Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s