Todo apoio à greve dos trabalhadores em educação no Estado de São Paulo.

Inicia-se a greve dos trabalhadores em educação paulistas, por salários dignos, pelo fim das contratações precárias, pela implementação de 1/3 de atividades extraclasses para os docentes e por mais investimento na educação pública. Milhares de trabalhadores lotam a avenida paulista e, em assembleia realizada ontem, no dia 19 de abril, decidem continuar a greve por tempo indeterminado.

O governo tucano do Estado de São Paulo, tentando justificar sua ineficácia política no setor da educação, já declarou para imprensa burguesa que as reivindicações dos educadores paulistas são “descabidas”. “Descabidas”, Senhor Governador? Descabido é, nesse país, tratar a educação pública como lugar social em que se naturaliza todo o tipo de precariedades, todo o tipo de descumprimento dos direitos trabalhistas.

A educação deveria ser modelo social de valorização profissional e de valorização dos serviços públicos prestados. Lamentavelmente, a educação pública só é objeto de discurso dos políticos nas épocas das eleições. Passados os holofotes eleitorais, segue a vida real, e a maioria dos políticos, eleitos à custa de falácias, seguem procurando fazer a população acreditar que está tudo normal e tudo certo no setor educacional, fazendo vistas grossas para as carências salariais, estruturais e pedagógicas que tornam a escola pública um lugar social infinitamente aquém de suas potencialidades.

É realmente “descabido” esse sistema público educacional brasileiro, bem como o sistema público educacional paulista. Fazer uma grande greve nacional dias 23, 24 e 25 de abril, participando dos movimentos organizados e exigindo 10% do PIB para educação já, é uma forma concreta de apoiar a greve dos trabalhadores em educação paulistas. Todos juntos em defesa da escola pública!

Por: Gílber Martins Duarte – Socialista Livre – Conselheiro do Sindute-MG e diretor da subsede do Sindute em Uberlândia – Professor da Rede Estadual de Minas Gerais – Doutorando em Análise do Discurso/UFU – Membro da CSP-CONLUTAS.

Sobre socialistalivre

Esse Blog está a serviço da Luta pelo Socialismo. Defendemos a plena liberdade do ser humano, mas somos radicalmente contra a liberdade de explorar, como a burguesia faz, e contra a liberdade de oprimir como os machistas fazem, os racistas fazem, os homofóbicos fazem, os praticantes de bullying fazem, os preconceituosos fazem, os possessivos fazem e os autoritários de plantão fazem. Assim, defendemos que cada corpo-consciência deve ter liberdade de ser o que ESCOLHE SER, desde que esta liberdade não oprima e explore os outros! Defendemos a plena liberdade de postura crítica e a plena democracia operária, todos devem ter o direito de expressar o que pensam! Defendemos a Revolução Socialista e a necessidade de libertação da classe trabalhadora do jugo do capitalismo. No entanto,somos contra comandos de hierarquias políticas ou de figuras públicas mais poderosas no seio dos lutadores que travam a batalha pelo socialismo. Defendemos que cada militante deve ousar pensar por si mesmo, cada militante deve ter o direito de concordar, mas também de discordar daquilo que julga equivocado, por isso nos definimos como Socialistas Livres e esse Blog está a serviço dos que desejam militar de acordo com essa concepção. Convidamos a todos a conhecerem nosso jeito diferente de entender e de praticar a política socialista, com liberdade, democracia operária, direito de crítica e respeito ao diferente. Saudações Socialistas Livres.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s